3 bairros para conhecer em Salvador

Vai viajar para Salvador? Antes de aproveitar a festa, a alegria contagiante e a paz das praias da capital baiana, é preciso escolher onde se hospedar. Como qualquer grande cidade, Salvador possui diversos bairros com uma ótima infraestrutura turística, com hotéis de luxo, resorts, pousadas e até albergues para os mais econômicos.
Tenha em mente que as melhores praias de Salvador estão, na verdade, nos subúrbios da cidade. Por isso, ter um carro pode ser útil para explorar melhor a região, independente da área que você escolher para se hospedar.

BARRA

A Barra é um dos bairros mais tradicionais de Salvador. Localizada na extremidade sul, possui uma posição geográfica privilegiada, entre a Baía de Todos os Santos e o Oceano Atlântico. Esse é um dos poucos lugares do mundo de onde é possível ver o nascer e o pôr do sol no mar.
As ruas são enfeitadas por casarões e construções históricas. Entre as mais famosas delas, estão o Farol da Barra e os fortes de Santa Maria e São Diogo. Conta com uma boa variedade de restaurantes, hotéis, bares e boates.

CENTRO HISTÓRICO

As construções e ruelas que datam da época do Brasil Colônia dão charme especial a essa região, que é, de longe, a minha favorita para passear na cidade. A área abrange os bairros Pelourinho, Sé e Pilar e conta com diversos pontos de interesse turístico, como museus, teatros, igrejas, restaurantes típicos, espaços para apresentações culturais e lojas de souvenirs. A melhor localização é nas proximidades da rua Chile, uma das mais tradicionais da cidade. Vale dizer, no entanto, que segurança pode ser um problema em algumas partes do Pelourinho e do Centro Histórico.

RIBEIRA

Criada em 1931, a Sorveteria da Ribeira é uma das mais famosas da Bahia. Vencedora de diversos prêmios promovidos por revistas de circulação nacional. Contudo, o ato de tomar sorvete na Ribeira em si ainda é um programa tradicional para os soteropolitanos, que aproveitam para apreciar a vista para o mar que o local oferece.

Mais sobre a Santana

Gastronomia da cidade de Cachoeira-BA

A culinária é um dos pontos fortes de Cachoeira, pois reflete a história e a miscigenação cultural do Recôncavo Baiano. Na cidade é possível saborear iguarias à base de carne, frutos do mar e a tradicional maniçoba, prato feito com base na folha da mandioca, herança dos índios que viveram no Recôncavo.

A iguaria é preparada com carne bovina, suína e o tempero é feito à base de sal, alho, folha de louro, pimenta e outros ingredientes salgados e defumados. A maniçoba é servida acompanhada de arroz, farinha de mandioca e pimenta.

A cidade também é famosa pela produção de licor, principalmente no período dos festejos juninos. Os sabores variam entre o tradicional e o exótico como jenipapo, passas, maracujá, cajá, jabuticaba, pimenta, rosas, entre outros, aquecem a procura e a movimentação dos turistas em Cachoeira.

A feijoada, o caruru, vatapá, acarajé, abará e os diversos tipos de moquecas também são muito comuns na cidade de Cachoeira.

Mais sobre a Santana

Dicas para uma viagem tranquila

Nada como uma viagem de ônibus tranquila e agradável, onde podemos descansar tranquilamente, apreciar as paisagens com paz e conforto e chegar no destino desejado pronto para aproveitá-lo bem. Para que isso seja possível a Santana Transportes preparou algumas dicas que lhe serão bem úteis, principalmente quando a viagem for longa.

1. Escolha do tipo de ônibus: Para escolher o tipo de ônibus e classe de sua viagem, leve em consideração a distância percorrida e o tempo que ficará nele. Para viagens de longa distância, com mais de cinco horas, compensa escolher um ônibus mais confortável, leito ou semi-leito, pois contam com poltronas mais reclináveis e serviços extras, como água, lanche, mantas e travesseiros. A Santana ainda conta com Wi-fi, TV e sistema de som.

2. Compra da passagem pela internet: A compra online é muito mais prática e facilita em muito sua viagem. Lembre-se que há a necessidade de retirar sua passagem de ônibus no guichê da companhia rodoviária antes de embarcar.

3. Horário de chegada na rodoviária: É importante chegar à rodoviária com aproximadamente uma hora de antecedência do horário marcado para a saída do ônibus, principalmente se ainda precisa trocar o voucher pela passagem no guichê da companhia rodoviária. Isso evita correria e um desnecessário stress pré viagem. Chegar ainda mais cedo é uma boa caso vá viajar em véspera de feriados, pois as rodoviária tendem a estar muito mais cheias que o normal nessas datas.

4. Tempo de parada: O tempo de parada deve ser respeitado. Ao sair do ônibus pergunte ao motorista o horário de partida e não atrase para não correr o risco de ficar para trás. Aproveite a parada para esticar as pernas, comer, beber algo e ir ao banheiro.

5. Vestimentas: Escolha roupas leves e confortáveis, é aconselhável ter um agasalho em mãos para proteger-se do ar condicionado e do frio de algumas regiões.

6. Alimentação: Antes de viajar evite a ingestão de alimentos gordurosos e mantenha seu corpo hidratado. Para evitar seu próprio mal estar e dos demais companheiros de viagem, bebidas alcoólicas devem ser evitadas. Para planejamento da alimentação durante a viagem é importante informar-se antes sobre as paradas, mas lanches leves como barras de cereal, salgados e frutas, além de garrafas d’água são muito bem vindos.

7. Mal estar: Caso tenha problemas para dormir ou de enjôos, convém levar alguns medicamentos que possam lhe ajudar, mas, não abuse de sedativos para dormir no ônibus. Se estiver passando muito mal, comunique o motorista.

8. Uso de aparelhos de som: Só utilize aparelhos que possuem fones de ouvido para não incomodar os companheiros de viagem. Vale pensar em uma playlist bem caprichada para passar o tempo e deixar a viagem mais gostosa.

9. Higiene: Mantenha sempre o ambiente ao seu redor limpo e organizado. Ao ir no sanitário, deixe-o como você gostaria de encontrá-lo.

10. Passagem de volta: Inclua no planejamento a reserva da passagem de volta com antecedência. Isso evita a falta de passagem na data escolhida para o retorno e oscilações de preço.

11. Crianças: Não deixe que as crianças circulem pelo corredor do ônibus em movimento. Inclua brinquedos e alimentos para as crianças na bagagem de mão e mantenha-os hidratados.

Mais sobre a Santana

ENDEREÇO MATRIZ

Rua do Paquistão, 300 - Granjas Rurais Pres. Vargas, Salvador - BA, 41230-050